PJV - Biblioteca Municipal

Biblioteca Municipal

Ficha Técnica

Obra: Biblioteca Municipal de Barra Velha

Local: Barra Velha, Santa Catarina, Brasil

Co-autores: Ana Paula Borba, Denise Freitas, Luciana F. Gugelmin e Marianne Gomes

Área construída: 2.220 m2

Área do terreno: 2.732 m2

Ano do projeto: 2014

 

Contexto Urbano

O presente projeto destina-se a criação de uma biblioteca pública que amplia-se em auditório

de eventos, integrado, consolidando um espaço de caráter educacional e cultural dentro da

cidade, pois seu entorno é composto por escola pública, ginásio de esportes, futuras

instalações de outro edifício educacional e localizado em uma área central da cidade

contribuindo para a vitalidade de seus espaços públicos.

 

Linguagem Arquitetônica

A premissa básica foi a de criar uma linguagem contemporânea, que exprima sua forma

através de sua estrutura portante, tornando-se um ícone para a cidade, sendo inovadora, e ao

mesmo tempo funcional e confortável. Foram observadas as condições climáticas da região,

para o melhor aproveitamento para implantação do edifício. A otimização dos espaços, a

forma e o conforto dos ambientes, pretendem contribuir com o desenvolvimento intelectual e

produtivo dos usuários.

 

Configuração Arquitetônica

A ocupação proposta para dois pavimentos visa garantir o máximo de permeabilidade e

flexibilidade, buscando atender não apenas as demandas do presente, mas as possibilidades

de articulação para ampliação vertical do edifício, sem prejuízo à segurança do acervo e o

conforto dos usuários da biblioteca. Nesta proposta, cria-se um vazio central, para criar uma

relação de humanização interna. Além do vazio central, a iluminação natural foi maximizada

nas fachadas, cuja insolação é controlada por meio de brises na fachada frontal norte.

Economia na obra (economia prevista por soluções arquitetônicas)

A economia da solução apresentada está relacionada a dois aspectos, que se complementam:

(1) racionalidade dos sistemas construtivos e a modulação dos componentes (economia na

obra e (2) estratégias de minimização de recursos associadas às soluções passivas de

iluminação (economia no uso).

O PROJETO CONTEMPLA:

– HALL COM ÁREA DE EXPOSIÇÕES

– ACERVO PARA MAIS DE 60 MIL LIVROS

– AUDITÓRIO PARA 270 PESSOAS

– PÁTIO INTERNO COM ILUMINAÇÃO NATURAL

– SALA DE MULTI-MÍDIA

– SAL DE RECUPERAÇÃO E CATALOGAÇÃO

– ÁREAS DE ESTUDO

– ESPAÇO PARA CRIANÇAS

– ADMINISTRAÇÃO

– BANHEIROS